10 de jun de 2009

Por:
Profª. Marcicleide Lima




Há uma autora que deveria ser lida tanto por adultos quanto por crianças. No entanto, ela é classificada como autora infantil. Estou falando de ANA MARIA MACHADO. Uma das melhores escritoras de literatura infanto-juvenil. Não digo "a melhor" porque quem ocupa esse lugar para mim é a conceituada LYGIA BOJUNGA NUNES.






Bem, voltando a Ana, ela escreveu um livro de singular importância e de agradável leitura: MENINA BONITA DO LAÇO DE FITA. De forma singular, inteligente, fácil e crítico, ela conta a história de um coelhinho branco cujo sonho é descobrir o segredo de uma menina para ter uma cor negra tão linda.



A pergunta que é recorrente na história é "Menina bonita do laço de fita, qual é teu segredo pra ser tão pretinha?".


E as respostas são as mais criativas e engraçadas possíveis - desde comer muita jabuticaba até beber muito café.
Até que um dia a mãe resolve contar a verdade e explica ao coelho que a menina tem a pele pretinha devido a sua descendência, e que se ele gostaria de ter filhos pretinhos deveria casar com uma coelhinha pretinha.
O que ele fez e como acaba a história?
Isso deixo por sua curiosidade.
Garanto que o final é tão gracioso quanto o decorrer da história.
E caso você não tenha acesso ao livro, pode fazer uma busca na internet pela história.
Claro que não será tão saboroso quanto ver as imagens e passar página a página do livro, mas pelo menos você poderá matar sua curiosidade e descobrir o final desta inteligente narrativa.
Escolhi esta história porque tem um sabor especial para mim: tenho uma sobrinha negra e linda, que adora essa história.
E foi a partir da mesma que trabalhei nela o orgulho pela cor que ela tem. E por curiosidade, o irmão dela é branquinho.

Leia o livro e descobrirá porque um é branco e o outro é negro rsrrsrs. Um abraço e até a próxima.
Visite o site oficial da autora: http://www.anamariamachado.com/


Um comentário:

marcilene disse...

adorei a historia,estou curiosa pra saber o final...
um beijo e recomende mais....
é sempre uma honra seguir conselhos de alguém que consider tão importante na minha formação.beijos marcilene